quinta-feira, 14 de dezembro de 2006

Totaka's Song

Kazumi Totaka gosta de esconder uma musiquinha em cada jogo que trabalha, e ele fez isso por mais de uma década. Entre os jogos em que trabalhou estão Mario Paint, The Legend of Zelda: Link’s Awakening, Yoshi’s Story, Animal Crossing e tantos outros (incluindo Wii Sports).

Confira a matéria no Joystiq, ou veja um dos vídeos da Powet.TV abaixo:

4 comentários:

Daniel disse...

Totaka, cara peculiar não é? Antes de ver o vídeo pensei que as tais músicas escondidas eram diferentes entre si, mas é sempre o mesmo Riff, aliás... como ele mesmo diz "Secret Riff". Acho que aquele toque representa algo, talvez o primeiro que ele aprendeu... não sei. Criativo. Existem essas manifestações, de maneiras diferentes, em outros jogos? Exemplo disso é aquela tela de Game Over do DK3 em que toca uma música em MusicBox. Quem tem o jogo, perca umas vidinhas e vão àquela tela: tocará a música e no momento do termino você pode continuar a tocar algumas notas... repare que ao fundo existe um brinquedo, aquele que a gente brinca de fazer continhas de matemática. Nesse brinquedo há um sequência de "rodelinhas" coloridas que representa então uma segmento lógico de notação musical para ser efetuado no joystick. Dizem, que se tocar a música certa você é levado ao senhor K-Rool direto... Não sei.

Lucas Haeser disse...

Nunca joguei o DK3, mas parece bacana isso que vc falou. (A propósito, acho que a palavra que você queria era "ábaco", hehehe)

Esse Totaka é um gênio, inseriu easter eggs em um monte de games, criando um jogo próprio de esconde-esconde para deixar qualquer nerd doido. =)

Assista aos outros vídeos, a busca agora é pela música no Wii Sports.

Alexo disse...

O ábaco, na verdade, é um instrumento matemático. Pelo que sei, crianças orientais ainda aprendem a usá-lo pra fazer vários tipos de cálculos e nem todos eles "basiquinhos", não! Diz a história "remota" da informática que o ábaco é o tetravô do computador.

Eu dei muitas risadas com a "cara de pau" do autor em inserir essa melodia, cá entre nós, meio misteriosinha, em momentos surpresa dos jogos! Sutil e intrometido ao mesmo tempo!

Pra não ficar sem esqueçer termos, existem aquelas brincadeiras escondidas, não só em jogos, mas em softwares de trabalho também. Lembrei dessa brincadeira de esconde-esconde enquanto via a matéria, muito bacana por sinal.

Adorei ver também um pouquinho da funcionalidade daquele console portátil da Nintendo, o DS. Aquela tela dupla e o recurso de touchscreen parece dar asas à muitas idéias!

[s] alexo

andré disse...

Também achei a melodia bem misteriosa. Eu não sei se no vídeo o apresentador explica o porquê de Totaka colocar essas melodias em lugares tão escondidos dos jogos. Fiquei curioso...

Início | Blog | Glossário | Fotografia virtual | Site
Feed: Postagens | Comentários
| Glossário | Fotos | ?
Verbetes indicados com † estão incluídos em nosso glossário