terça-feira, 28 de agosto de 2007

Superfície interativa


O vídeo não trata exatamente de entretenimento, mas de interatividade (assista Minority Report para outras viagens de idéias). Agora, como os computadores também não foram criados para entreter – e veja no que deu – pense nas possibilidades do aparato no universo dos jogos e em tantas outras aplicações. Fantástico!

O YouTube mostra vários outros vídeos, como este, mais detalhado.

4 comentários:

André Luiz disse...

Impressionante. Eu ainda não tinha visto. E como não poderia deixar de ser, eu fico imaginando isso pra softwares de música. Acho que não teria jeito mais fácil de se fazer uma gravação, ou de compor alguma coisa. Interatividade realmente impressionante.

Já para games... Tá certo que não troco o meu nostálgico Snes por... huum... quase nada... mas... onde é que fica o joystick desse negócio aí mesmo? xD ok.. ok... não tem ainda né?! Mas estou curioso.

.o/

Alexo disse...

André, eu vi há um tempo, algo muito parecido com essa mesa (isso se não era a própria) sendo usada como modificador de sons. Era usado uns cubinhos sobre a mesa: movimentando ou girando os sons era modificados e as possibilidades eram infinitas. Gerava também envelopes e, assim, se podia fazer ritmos, enfim.

Existem vídeos mostrando Warcraft com interatividade sendo feita direto na tela. Ali existem vários tipos de "comandos" gestuais. Bacana!

André Luiz disse...

Legaaaal. Eu não conheço bem a história do avanço em interatividade. Mas o assunto do post mais me parece um salto do que um avanço. E um grande salto. Pena que até esse salto chegar até mim eu sei que vai demorar uma daaaataaa... ehuehuehueheu
.o/

Ila Fox disse...

Já me sinto na família Jetsons. :-P

Início | Blog | Glossário | Fotografia virtual | Site
Feed: Postagens | Comentários
| Glossário | Fotos | ?
Verbetes indicados com † estão incluídos em nosso glossário