quinta-feira, 22 de maio de 2008

Videogame

A Benzaiten tem por princípio o uso correto da língua portuguesa, mesmo em textos informais. Temos um esquema de pauta, edição e revisão interna que ajuda padronizar alguns parâmetros e formatos, respeitando o estilo de cada colunista (ou autor, quando publicado no site).

Organizamos um pequeno manual de redação, listando o que é mais comum no grupo, e procuramos fazer esta definição baseados em bibliografia, autores ou documentos respeitados. Até o momento, tínhamos adotado a grafia "video game", tendo como fonte autores como Aurélio, Cegalla, Amadeus Marques etc., como também em dicionários de língua estrangeira.

No entanto, com as recentes edições/impressões de dois importantes dicionários brasileiros, o Aurélio e o Houaiss, houve uma padronização do termo para videogame. A forma do estrangeirismo foi confirmada em consulta à Academia Brasileira de Letras.

Mesmo cientes de que a grafia nos textos em inglês deva ser "video game" (segundo Larousse, Oxford, Encyclopædia Britannica, Cambridge, Merriam-Webster e outros consultados), a partir de agora estaremos adotando este formato para a palavra videogame, com base nas referências nacionais listada abaixo.

Bibiliografia

  • Academia Brasileira de Letras
    Consulta on-line feita em maio/2008
  • Novo Aurélio
    Editora Positivo/3ª edição/2ª impressão/2004
  • Dicionário Houaiss
    Editora Objetiva/janeiro de 2004/1ª reimpressão

2 comentários:

FernandoSalvio disse...

Lembrei de outro motivo que pode ter influenciado nesse uso da palavra Videogame.

Uma das primeiras revistas sobre videogame no país, chamava simplesmente Videogame.

Pode ter sido fator de grande influência nesse nome.

Um abraço,

Fernando
jogos80.com

Alexo Maravalhas disse...

Não sei, Salvio. Reparei que muitos termos similares nos dicionários são sempre (ou na sua maioria) juntos; pode ter sido somente uma questão de padronização/coerência. Mas também não acho que mesmo isso seja motivo. Quero acreditar que os lingüistas e peritos no assunto têm fortes argumentos, baseado em regras gramaticais etc., pra sistematizar videogame diferentemente encontrado em dicionários de língua estrangeira (video game). Seja como for, antes um padrão brasileiro, do que a falta dele. Tomara que todas as nova edições dos dicionários sigam esta mesma linha.

Em consulta, a Academia Brasileira de Letras não explicou quê base teórica se fundou para o uso deste formato (diferente do usado lá fora); apenas indicou que o Volp – Vocabulário Ortográfico de Língua Portuguesa, único documento oficial, indicava assim.

Início | Blog | Glossário | Fotografia virtual | Site
Feed: Postagens | Comentários
| Glossário | Fotos | ?
Verbetes indicados com † estão incluídos em nosso glossário